Como é feita a instalação das redes electrossoldadas?

Início » Como é feita a instalação das redes electrossoldadas?
Share on facebook
Share on google
Share on twitter
Share on linkedin

As redes electrossoldadas são a aposta perfeita para a montagem de cercamentos de segurança ou delimitação de perímetro de espaços. A resistência e durabilidade são as principais vantagens obtidas pelo processo de elestrossoldagem.

No post de hoje vamos explicar como se dá a sua instalação, e vai perceber que a praticidade também é um dos benefícios deste modelo de redes.

Redes electrossoldadas: conheça o passo a passo da sua instalação 

As redes elestrossoldadas de proteção são confeccionadas com arames de aço, normalmente galvanizado, unidos pelo processo de eletrofusão.

A junção dos arames é feita através de um equipamento específico que fornece tensão elétrica controlada capaz de fundir os fios de aço.

O processo de eletrofusão realizado nos pontos de união das redes garante mais resistência e durabilidade à este produto, de forma que não se danifique facilmente ao longo do tempo, permanecendo em bom estado.

Outro aspecto interessante das redes electrossoldadas é que o trabalho mais preciso de junção dos arames de aço galvanizado dá um acabamento diferenciado à tela e dificulta o seu rompimento, assegurando a proteção do espaço e uma cerca perfeita.

Dito isto, vamos ao passo a passo da instalação dessas redes:

1 – Fazer a marcação dos mourões (postes)

Os mourões são postes que formam a estrutura base para a instalação da rede, e delimita a área que receberá a cerca. Estes postes podem ser de aço, betão ou até mesmo madeira.

Marque os pontos onde eles serão fixados na área que será cercada. A distância ideal de entre mourões é de no máximo 2,5 metros, mantendo assim a resistência da cerca.

2 – Abertura dos buracos

Feita a marcação, segue-se a abertura dos buracos onde serão colocados os mourões, que precisam ter no mínimo 70 cm de profundidade para que a rede fique mais firme quando for instalada.

Uma observação importante é que se a medida da cerca for grande, é recomendado realizar uma abertura de buraco a cada 25 metros, permitindo esticar a rede com maior tração.

3 – Betão nos mourões de canto

Os mourões ou postes posicionados nos cantos da cerca deverão levar betão para que fiquem reforçados.

4 – Estender as linhas de referência

O próximo passo é esticar duas linhas de nível entre os postes para ter a referência da altura desejada. Portanto, um deverá ser estendido na parte superior, e outro na parte inferior.

Isso irá facilitar a instalação da rede electrossoldada.

5 – Inicie a instalação da rede

A instalação é iniciada com a fixação da rede no mourão de canto, utilizando uma abraçadeira ou amarração com arame galvanizado, caso o mourão seja de metal ou em betão.

6 – Faça a colocação da rede

Puxe a rede electrossoldada com o máximo de tração possível, para que fique bem esticada. Esta etapa pode ser realizada com o auxílio de um esticador de arame.

7 – Fixe a rede nos mourões

Com a rede esticada e firme, comece a fixá-la em cada mourão, através da abraçadeira ou amarração com arame galvanizado.

8 – Ajuste a tensão da rede

Uma das vantagens das redes electrossoldadas é que após instalada se por algum motivo não ficar totalmente alinhada ou firme, pode ajustar manualmente para que a tensão fique correta.

É interessante acrescentar que as redes electrossoldadas são mais recomendadas para cercas de terrenos planos. A instalação é bastante prática, como se pode observar, o que é mais uma vantagem ao considerarmos o seu custo vs. benefício.

Com uma durabilidade em média de 10 a 15 anos, as redes electrossoldadas são perfeitas para quem procura simetria, harmonização e estética para a cerca.