Ferro vs. arame: Qual a opção mais adequada para as chapas metálicas

Início » Ferro vs. arame: Qual a opção mais adequada para as chapas metálicas
Share on facebook
Share on google
Share on twitter
Share on linkedin

No setor industrial, as chapas metálicas podem ser utilizadas para diversas finalidades. Especialmente para a confeção de peças, um dos materiais mais solicitados é o ferro e o arame, que podem ser usados nas indústrias automóveis, civis…

As chapas metálicas são produzidas de acordo com as exigências do cliente e podem ser utilizadas para situações distintas. O tipo de material depende do propósito da chapa em questão.

Tal como já referimos antes, as chapas fabricadas com ferro e arame são as mais utilizadas. Mas em que situações são adequadas?

Ferro vs Arame: Conheça o processo de produção das chapas metálicas fabricadas com estes materiais 

As chapas metálicas são produzidas através de um processo chamado de conformação de metais.

Este é um procedimento mecânico pelo qual se obtém peças devido à compressão de metais sólidos em moldes. Este processo também é conhecido como estampagem. As chapas podem ser fabricadas em aço, alumínio, cobre, magnésio, titânio, entre outros materiais.

Na indústria, são muito utilizadas para a fabricação de carros, camiões, aeronaves e muitas outras máquinas. Na construção civil, as chapas são especialmente utilizadas para revestimento.

1 – Chapas de ferro

Estas chapas são produzidas por uma siderúrgica, que tem como função realizar todos os procedimentos para garantir a qualidade da produção. É igualmente responsável por verificar se as chapas têm as características técnicas necessárias.

As chapas com este material são principalmente utilizadas para grades e pisos. É muito útil em obras que precisam de estruturas metálicas como recurso de sustentação e também para a locomoção de pessoas.

Pode ainda ser usada para a construção de escadas, o que é bastante comum em ambientes com circulação de pessoas, estruturas comerciais e industriais e áreas externas.

São fabricadas de forma a resultarem num material flexível, podendo passar por diversos processos de acabamento. Além disso podem ser perfuradas, servir como piso gradeado e terem vários tamanhos e dimensões.

Geralmente, possuem uma camada de alumínio, para aumentar a resistência à corrosão e às mudanças agressivas de temperatura e tempo.

O ferro fundido é o mais comumente utilizado no fabrico das chapas, já que proporciona maior conexão entre as chapas e outros componentes estruturais.

A chapa com este material pode ainda passar por outros processos, como a galvanização e transformação do aço inoxidável. A escolha do processo precisa ser definida por um profissional, nomeadamente um engenheiro civil.

2 – Chapas de arame

As chapas fabricadas em arame geralmente são feitas a partir do arame galvanizado, e também podem ser utilizadas em diferentes formas. Alguns exemplos são o fabrico de grades ou redes de proteção.

Entre as características do arame de aço galvanizado está a resistência. Por outras palavras, o procedimento pelo qual passa, a galvanização, cria uma película que evita a corrosão.

Esse processo pode ser realizado a frio, através de um processo eletrolítico. Contudo, também pode ser feito a quente, sendo mergulhado em metais nobres, como por exemplo, o zinco.

Após a galvanização, o arame torna-se extremamente duradouro, assegurando a qualidade por muito tempo ao suportar os mais diversos elementos abrasivos e intempéries.

Em relação aos tipos de arames, é importante saber quais são os diâmetros e medidas para a granulometria. Ou seja, as chapas são fabricadas com aberturas que podem variar de acordo com as polegadas da malha de arame.

Cada uma delas é indicada para uma função diferente, portanto, este é um aspeto que é preciso ter em consideração.

Como se pode perceber, o material mais adequado para as chapas metálicas vai variar de acordo com a sua finalidade. Contudo, as fabricadas em ferro são mais comumente utilizadas, especialmente no setor industrial.

Por fim, é importante adquirir as peças de um fabricante que garanta a qualidade, resistência e durabilidade do seu produto. No Metal Distendido asseguramos sempre uma grande qualidade em todos os tipos de projetos. Para iniciar o seu entre em contacto connosco!